Domingo, 26 de Maio de 2019

Psicomotricidade foi tema de encontro do Programa Vivenciando o Autismo

“A primeira linguagem que a criança aprende é a linguagem do corpo”. A frase de Piaget, importante pensador da educação mundial, marcou o encontro de maio do programa Vivenciando o Autismo. O Palestrante convidado, o educador físico, Juliano Padilha falou sobre a Psicomotricidade e Autismo. O evento levou o público a refletir sobre os aspectos psicomotores e a importância do olhar terapêutico para as atividades físicas. A palestra reuniu beneficiários do Plano IBCM e seus filhos e profissionais da área. Atividade gratuita.

 

Juliano abordou questões teóricas e dicas de atividades práticas para ajudar no desenvolvimento de pacientes dentro do espectro autista. Segundo o palestrante, ter consciência, percepção global e controle faz parte do esquema corporal e são pontos essenciais do desenvolvimento humano. Ele assiná-la que: Apontar e dizer a parte do corpo solicitada é um exercício importante neste caso.

 

Enquanto a motricidade ampla refere-se a realização de múltiplos movimentos, a motricidade fina tem a ver com desenvolver formas de pegar coisas. No primeiro caso, correr e saltar são exercícios indicados. Já no segundo caso, rosquear a tampa de um pote, ajuda, de acordo com Juliano. Ao propor para o paciente que ande no cordão da calçada, segundo Juliano, o profissional trabalhará a postura corporal e o equilíbrio. Por outro lado, ao brincar de bola a criança estará trabalhando a sua lateralidade, ressalta.

 

Noções de longe e perto são aspectos relacionados com organização espaçotemporal. Atividades com diferentes velocidades nos movimentos, de tônus, pegar e apertar podem ajudar. Juliano Padilha é especialista em Psicomotricidade clínica, escolar e relacional, em transtorno do desenvolvimento da infância e adolescência. O educador físico também é capacitado em aprendizagem, coordenação, consciência motora e neuropsicologia escolar. É sócio-coordenador da Gym For ALL, um espaço especializado em Psicomotricidade.

 

VIVENCIANDO O AUTISMO

 

O Programa visa proporcionar um ambiente para que pais e familiares de pacientes com o Transtorno do Espectro Autista, beneficiários do Plano de Saúde IBCM, possam compartilhar experiências, aprender com diversos profissionais, para aumentar seu conhecimento para que possam ajudar seus filhos a se desenvolverem. Encontros gratuitos, uma vez por mês.

 

Coordenação Geral: Eduardo Nascimento de Oliveira. Coordenação Técnica: Maria de Fátima Luna(Assistente Social) e Anelise Rodrigues(Fonoaudióloga). Maiores informações: servsocial2@ibcm.org.br.

Design by Pimenta do Reino • Developed by ThreeContent