Somente pacientes internados em estado grave passam a ser testados no RS

Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul divulgou no domingo (22), novo protocolo para monitoramento de casos de Coronavírus no estado.  A vigilância de saúde testará para coronavírus somente casos graves que necessitem de internação hospitalar. A ação do governo do estado veio após confirmação de contágio por transmissão comunitária. A recomendação é o isolamento domiciliar por 14 dias nos casos considerados leves.

Casos considerados graves

Estes casos apresentam sintomas da Síndrome Gripal (SG), associada falta de ar, desconforto respiratório e saturação abaixo de 95%.

Casos leves:

Nestes casos  os sintomas são de Síndrome Gripal (SG): Febre de início súbito  (maior de 37,8 °C) acompanhada de tosse seca ou dor de garganta e, ao menos, um outro sintoma – como dor muscular, nas articulações, ou dor de cabeça. Nas crianças, já é febre acompanhada de tosse, coriza ou congestão nasal.

Fone: Biblioteca Virtual do Ministério da Saúde

Leia mais:

Coronavírus: IBCM divulga orientações a pacientes

Consultas, exames e cirurgias ambulatoriais que não sejam urgentes devem ser adiadas, orienta a ANS

Governador Eduardo Leite decreta estado de calamidade público no Rio Grande do Sul

Design by Pimenta do Reino • Developed by ThreeContent